"Organic's contribution to the European Green Deal"
European Organic Congress programme (English)

11:00 - 11:30 CEST
Welcome & opening

– Jan Plagge, President of IFOAM Organics Europe
– Maria do Céu Antunes, Portuguese Minister of Agriculture

The aim of the session is to assess if the new CAP and the national ambitions through the proposed CAP strategic plans are in line with the EU objectives of the Green Deal, in particular the target to reach 25% organic land by 2030.

– Aina Calafat Rogers, Deputy Council member of IFOAM Organics Europe
– Celia Nyssens, Policy Officer for Agriculture at the European Environmental Bureau
– Eduardo Diniz, Director of the Office for Planning, Policy, and General Management of the Portuguese Agriculture Ministry
– Jan Plagge, President of IFOAM Organics Europe
– Maria Noichl, MEP Group of the Progressive Alliance of Socialists and Democrats at the European Parliament
– Tassos Haniotis, Director for Strategy, Simplification and Policy Analysis in the Directorate General for Agriculture and Rural Development at the European Commission
– Moderator: Eduardo Cuoco, Director of IFOAM Organics Europe

13:00 - 14:30 CEST
Lunch break

In this session, dedicated to Portugal, the various areas will be presented, supported by real cases, which demonstrate the evolution and impact of Organic Agriculture in Portugal, projecting the development prospects towards 2030. We will start by addressing a current issue of great interest, which is the relationship between organic farming and health, so that we can understand the influence on public health, focusing finally on organic food in public schools. This session will also discuss the conversion to Organic Farming in order to achieve the objectives of 25% organic land by 2030, contemplating the main challenges that this objective entails whilst focusing on demonstration projects. Lastly, there will be a presentation on the Portuguese Bio-Region of Idanha-a-Nova.

– Armindo Jacinto, Mayor of the City Hall of Idanha-a-Nova
– Fátima Ferreira, Maternal Health and Midwifery Nurse and Master’s Degree in Organic Agriculture
– Gonçalo de Freitas Leal, Director, Portuguese Directorate-General for Agriculture & Rural Development
– Rui Flores, Agricultural Manager at Esporão, S.A.
– Inês Efigénia, Training Department AGROBIO
– Madalena Ramos, Technical Department, AGROBIO
– Rute Lima, President of the Parish Council of Olivais in Lisbon
– Moderator: Jaime Carvalho Ferreira, Chairman of the Board at AGROBIO

10:00 - 11:30 CEST
Panel discussion: Climate mitigation and sequestration in agriculture: What is the right level of ambition?

The panelists will discuss whether “climate neutrality” is a realistic goal for the agriculture sector, and even if this is a desirable goal given the current focus on efficiency and the risks of trade-offs with biodiversity objectives. The session will also discuss the realistic potential for carbon sequestration in soils, the need for safeguards to ensure environmental integrity, and the right policy approach to ensure that climate action in the agriculture sector contributes at the same time to adaptation, resilience, and biodiversity protection.

– Christian Holzleitner, Head of Unit for Land Use and Finance for Innovation at the Directorate-General for Climate Action at the European Commission
– Kurt Sannen, Chair of Interest Group of Organic Farmers (IGOF) at IFOAM Organics Europe
– Pierre-Marie Aubert, Senior Researcher and Coordinator of the European Agriculture Initiative at IDDRI
– Shefali Sharma, Director at Institute for Agriculture and Trade policy’s (IATP) European office
– Thomas Legge, Land Use Director at the European Climate Foundation
– Moderator: Eric Gall, Deputy Director and Policy Manager at IFOAM Organics Europe

11:30 - 11:45 CEST
Break

While the need to transition towards more sustainable food systems is largely recognised, the consensus on how to get there has not been reached yet. During this session we will explore what sustainable food systems look like and how to get there. Initiatives such as the organic action plan, sustainable public procurement, and other Farm to Fork strategy related initiatives will be central stage.

– Claude Gruffat, MEP Greens / EFA Group at the European Parliament
– Dóra Drexler, Board Vice-President of IFOAM Organics Europe
– Faustine Bas-Defossez, External Impact Director at the Institute for European Environmental Policy
– Nathalie Chaze, Director for Food sustainability and International Relations at the Directorate-General for Health and Food Safety at the European Commission
– Tobias Bandel, Managing Director of Soil & More Impacts
– Moderator: Silvia Schmidt, Food Policy Officer at IFOAM Organics Europe

10:00 - 11:00 CEST
Panel discussion: The new Organic Regulation (EU) 848/2018: What will change?

The new Organic Regulation (EU) 2018/848 will be implemented from the first of January 2021. Several changes are expected for the organic sector during the coming months. The session will focus on the main challenges that the organic operators will face to maintain their compliance with the EU rules. Would these technical changes help to reach the EU objectives of 25% of EU organic land by 2030?

– Elena Panichi, Head of the Organics Unit at the European Commission
– Marian Blom, Board Vice-President of IFOAM Organics Europe
– Michel Reynaud, Board member and sector representative for certification of IFOAM Organics Europe
– Moderator: Emanuele Busacca, Regulation Manager at IFOAM Organics Europe

11:00 - 11:15 CET
Break

The future development and attractiveness of rural areas will largely depend on improving the climate and environmental performance of farming. This session will explore how initiatives such as organic districts (or biodistricts), living labs and farm demonstrations can contribute to the development of rural areas and the success of the Organic Action Plan.

– Alexis de Liedekerke, Founder of Froidefontaine Farm
– Doris Letina, Vice-President at European Council of Young Farmers
– Luis Saldanha, Chairman of the Board at National Young Farmers Confederation (CNJ)
– Salvatore Basile, President of the International Network of Eco Regions
– Silvia Michelini, Director for Rural Development at the Directorate-General for Agriculture and Rural Development at the European Commission
– Moderator: Eva Berckmans, Communications Manager at IFOAM Organics Europe

– Jan Plagge, President of IFOAM Organics Europe
– Janusz Wojciechowski, Commissioner for Agriculture and Rural Development at the European Commission

"A contribuição da agricultura biológica no Pacto Ecológico Europeu"
Congresso de Agricultura Biológica programa (português)

10:00 - 10:30 UTC+1
Abertura (online)

– Jan Plagge, Presidente de IFOAM Organics Europe
– Maria do Céu Antunes, Ministra da Agricultura de Portugal

O objetivo desta sessão é de analisar até que ponto a nova PAC e as ambições a nível nacional, com base no plano estratégico proposto para a PAC, estão alinhadas com os objetivos do Pacto Ecológico Europeu, nomeadamente o de atingir a meta de 25% dos terrenos em modo de produção biológico até 2030.

– Aina Calafat Rogers, Membro Adjunto do Conselho do IFOAM Organics Europe
– Celia Nyssens, Responsável Político para a Agricultura na Agência Europeia do Ambiente
– Eduardo Diniz, Diretor do Gabinete de Planeamento, Políticas e Administração Geral do Ministério da Agricultura de Portugal
– Jan Plagge, Presidente do IFOAM Organics Europe
– Maria Noichl, Deputada no Grupo da Aliança Progressista dos Socialistas e Democratas no Parlamento Europeu
– Tassos Haniotis, Diretor para a Estratégia, Simplificação e Análise de Políticas na Direção-Geral da Agricultura e do Desenvolvimento Rural na Comissão Europeia
– Moderador: Eduado Cuoco, Diretor do IFOAM Organics Europe

12:00 - 13:30 UTC+1
Intervalo para o almoço

Nesta sessão, dedicada a Portugal, serão apresentadas as várias áreas, sustentadas em casos reais, que demonstram a evolução e o impacto da agricultura biológica em Portugal, projetando as perspetivas de desenvolvimento rumo a 2030. Começaremos por abordar uma questão com grande interesse, nos dias que correm, que é a relação da agricultura biológica com a saúde, para compreendermos qual a influência sobre a saúde pública, focando-nos por fim sobre a alimentação biológica nas escolas públicas. Nesta sessão será também discutido a conversão para a agricultura biológica de forma a atingir os objetivos de 25% das terras em modo de produção biológico até 2030, contemplando os principais desafios que este objetivo comunitário implica, focando-nos em projetos de demonstração e, por fim, apresentando a Bio-Região de Idanha-a-Nova.

– Armindo Jacinto, Presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova
– Fátima Ferreira, Enfermeira Especialista em Saúde Materna e Obstétrica e Mestre em Agricultura Biológica
– Gonçalo Leal: Diretor da Direção-Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural
– Jaime Ferreira, Director da Agrobio
– Rui Flores, Gestor Agrícola na Esporão, S.A.
– Inês Efigénia, Departamento de Formação, AGROBIO
– Madalena Ramos, Departamento Técnico, AGROBIO
– Rute Lima, Presidente da Junta de Freguesia dos Olivais, Lisboa
– Moderador: Jaime Ferreira, Director da Agrobio ( EN: Head of the board of Agrobio)

15:30 UTC+1
Partilha informal entre convidados (Físico - sob convite)
9:00 - 10:30 UTC+1
Painel de discussão: A mitigação das alterações climática e fixação do carbono na agricultura: Qual é grau correcto para essa ambição?

Os Oradores irão discutir até que ponto a “neutralidade climática” é um objetivo viável para o sector da agricultura, e inclusive se é, de facto, um objetivo desejável tendo em conta a ênfase atual em volta da eficiência e dos riscos com os compromissos dos objetivos de biodiversidade.
Nesta sessão, será também discutido o potencial realístico para a fixação do carbono nos solos, a necessidade de salvaguardas para assegurar a integridade ambiental, e o desenvolvimento de políticas adequadas para assegurar que as ações contra as alterações climáticas no sector da agricultura contribuem ao mesmo tempo para a adaptação, a resiliência e a proteção da biodiversidade.

– Christian Holzleitner, Chefe de Unidade para a Utilização do Solo e Financiamento da Inovação na Direção-Geral da Ação Climática da Comissão Europeia.
– Kurt Sannen, Presidente do Grupo de Interesses dos Agricultores Biológicos (IGOF) no IFOAM Organics Europe
– Pierre-Marie Aubert, Pesquisador Sénior e Coordenador da Iniciativa Agricultura Europeia no IDDRI
– Shefali Sharma, Diretor na Instituto de Políticas de Agricultura e Comércio (IATP)
– Thomas Legge, Diretor da Utilização das Terras na Fundação Europeia para o Clima
– Moderador: Eric Gall, Diretor Adjunto e Gestor de Políticas no IFOAM Organics Europe

10:30 - 10:45 UTC+1
Pausa

Apesar de ser amplamente reconhecido a necessidade de transitar para sistemas alimentares mais sustentáveis, ainda não foi atingido o consenso sobre como chegar a esse ponto.
Durante esta sessão, iremos explorar de que forma os sistemas alimentares podem ser sustentáveis e qual a melhor maneira de o conseguir.
Iniciativas tais como o plano de ação biológico, contratos públicos sustentáveis, e outras estratégias do tipo “desde a exploração agrícola até à mesa” estarão no palco central.

– Claude Gruffat, Deputado do Grupo dos Verdes / Aliança Livre Europeia no Parlamento europeu
– Dora Drexler, Vice-Presidente do Conselho Executivo do IFOAM Organics Europe
– Faustine Bas-Defossez, Diretora da Influência Externa no Instituto para a Política Ambiental Europeia (IEEP)
– Nathalie Chaze, Diretora para a Sustentabilidade Alimentar e as Relações Internacionais na Direção-Geral da Saúde e da Segurança dos Alimentos na Comissão Europeia
– Tobias Bandel, Diretor-Geral da Soil & More Impacts
– Moderador: Silvia Schmidt, Responsável para as Políticas Alimentares no IFOAM Organics Europe

9:00 - 10:00 UTC+1
Painel de discussão: A nova regulamentação sobre a agricultura biológica (EU) 848/2018: O que irá mudar?

A nova regulamentação sobre a agricultura biológica (EU) 2018/848 está a ser implementada desde Janeiro de 2021.
Esperam-se muitas mudanças para o sector da agricultura biológica nos próximos meses.
A sessão estará portanto focada sobre os principais desafios que os operadores da vertente biológica terão de enfrentar para manter as conformidades com as regras comunitárias.
Será que estas modificações técnicas ajudarão a atingir os objetivos comunitários dos 25% das terras em modo de produção biológico até 2030?

– Elena Panichi, Chefe de Unidade da Agricultura Biológica na Comissão Europeia
– Marian Blom, Vice-Presidente do Conselho Executivo do IFOAM Organics Europe
– Michel Reynaud, Membro do Conselho Executivo e Representante do Sector para a Certificação no IFOAM Organics Europe
– Moderador: Emanuele Busacca, Gestor da Regulamentação no IFOAM Organics Europe

10:00 - 10:15 UTC+1
Pausa

A atração e o desenvolvimento futuro das zonas rurais irá depender em grande parte da melhoria do clima e do desempenho ambiental das atividades agrícolas.
Esta sessão irá explorar de que forma as iniciativas relacionadas com as regiões de agricultura biológica (ou bio-regiões), os laboratórios vivos e as demonstrações em explorações agrícolas podem contribuir para o desenvolvimento das zonas rurais e o sucesso do Plano de Ação Biológico.

– Alexis de Liedekerke, Fundador da Quinta Froidefontaine
– Doris Letina, Vice-Presidente do Conselho Europeu dos Jovens Agricultores
– Luis Saldanha, Presidente da Direção da Confederação Nacional dos Jovens Agricultores
– Salvatore Basile, Presidente da Rede Internacional das Eco-Regiões
– Silvia Michelini, Diretora Responsável para o Desenvolvimento Rural na Direção-Geral da Agricultura e do Desenvolvimento Rural na Comissão Europeia.
– Moderador: Eva Berckmans, Gestora de Comunicação no IFOAM Organics Europe

– Jan Plagge, Presidente de IFOAM Organics Europe
– Janusz Wojciechowski, Comissário da Agricultura na Comissão Europeia